quarta-feira, 16 de outubro de 2013

#1º Dia Sem Ele.


Houve uns tempos em acreditei realmente que não te ia perder. Uns tempos ai. Uns tempos meios felizes. A minha mente carrega a vivência das nossas memórias. Ainda custa crer que partis-te. Ainda custa aceitar. Sei que os dias vão passar, e este sentimento de saudade vai permanecer. O que me resta é preencher os meus dias, como se na verdade não precisasse apenas de uma desculpa para evitar acabar pensando em ti. Preciso de algo que ocupe o espaço na minha mente que antes era destinado a ti. Talvez um café pela manha enquanto assisto televisão, como nós costumava-mos fazer. Podia pegar nuns livros e ir para o parque. Sim aquele parque em que costumava passear ao fim do dia contigo. Podia ir aquela pizzaria onde um dia me havias levado a jantar e talvez passe ate pelo cinema em que vimos o nosso primeiro romance juntos.
Era suposto me ocupar com algo que não me lembra-se de ti, não é? Pena que em tudo o que faço e todos os lugares onde vou, façam parte do que antes era a nossa rotina. Então como fazer uma rotina que era nossa me deixar te esquecer? Nem mesmo à noite quando me deitar e estiver quase a adormecer, vou conseguir te tirar da minha cabeça. Vou sentir falta daquele ultimo beijo de boa noite, daqueles últimos carinhos antes de dormir. Em vez disso vou chorar, esperando adormecer e rezando para que quando acordar já faça muito tempo que partis-te.

- Sarah Bachelier

2 comentários:

  1. Ah eu amo todos o seu blog.realmente me identifico muito com as coisas que você posta,e me apaixonei nessa música,pena que não sei o nome dela!
    www.apenasumdiaamais.blogspot.com.br

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada anjo, tambem gostei do seu blog*
      A musica é a "Shelter" da Birdy.

      Eliminar